Bem-vindo(a) à Clínica Laser Pil: sinta o poder de ser único(a)!
Bem-vindo(a) à Clínica Laser Pil: sinta o poder de ser único(a)!

Sculptra®, Radiesse® ou Ellansé®: qual bioestimulador de colágeno escolher?

Sculptra®, Radiesse® ou Ellansé®: qual bioestimulador de colágeno escolher?

5 de setembro de 2020 Nenhum comentário

Mulher com cabelo castanho preso e pele lisa, com duas mãos na face, uma no canto direito da testa e a outra do lado esquerdo, ao lado do queixo.

Ter uma pele bonita é um grande desejo de muitas pessoas. Hoje em dia, é muito comum que se faça diariamente o uso de cremes e outros produtos que visam deixar a pele mais jovem, livre das rugas e linhas de expressão. No entanto, o fato é que, com a idade, a pele tem a tendência natural de ficar mais fina, áspera e menos elástica, e as imperfeições começam a aparecer. Isso ocorre, em partes, porque inicia a queda na produção de colágeno pelo organismo, que acontece gradativamente a partir dos 25 anos. A notícia boa é que a tecnologia evoluiu muito. E, com isso, uma série de métodos começaram a ser criados para estimular a produção dessa proteína e, logo, combater os efeitos do envelhecimento. Entre eles, estão os bioestimuladores de colágeno. Saiba mais sobre o que são esses bioestimuladores e as diferenças entre eles!

O que são os bioestimuladores de colágeno e como eles agem?

Os bioestimuladores de colágeno são substâncias injetáveis que atuam proporcionando uma leve reação inflamatória nas regiões mais profundas da derme. É essa reação que estimula os fibroblastos na produção de novas fibras de colágeno, o que auxilia na melhora da firmeza e sustentação da pele. Até o momento, os três principais tipos de bioestimuladores são o Sculptra® (ácido poliláctico), o Radiesse® (hidroxiapatita de cálcio) e o Ellansé® (coprolactona).

Sculptra®: ácido poliláctico

O Sculptra® é o ácido poliláctico mais comumente utilizado para a bioestimulação de colágeno. Em comparação com os outros, esse é o produto que menos gera volume no local aplicado. Ou seja, ele estimula o colágeno sem atuar como preenchedor. Essa substância se mantém estimulando colágeno no organismo por 2 anos e pode ser utilizada em protocolos faciais e corporais para redefinir o contorno, combatendo a flacidez de forma gradual e progressiva.

Radiesse®: hidroxiapatita de cálcio

O Radiesse®, além de estimular o colágeno no organismo, atua como preenchedor, resultando em uma volumização na região aplicada, tanto em protocolos faciais quanto corporais. Em alguns casos, pode até substituir o ácido hialurônico, substância mais indicada para tratamento de preenchimento facial, por exemplo. Esse bioestimulador também se mantém produzindo colágeno por, em média, 2 anos.

Ellansé®: coprolactona

O Ellansé® é o produto mais recente entre os que citamos anteriormente, disponível no Brasil desde 2018. Entre as três opções, ele é o que mais preenche. Inclusive, estima-se que ele preencha até 30% mais do que o próprio ácido hialurônico, podendo ser utilizado em locais que se tenha a pretensão de recuperar o volume perdido, como na face. Além disso, o Ellansé® tem a vantagem poder estimular o colágeno pelo dobro de tempo que os outros – ele possui versões que podem durar 2, 3 ou 4 anos, o que varia de acordo com o protocolo utilizado.

Qual bioestimulador de colágeno escolher?

Os bioestimuladores de colágeno são os queridinhos da estética quando o assunto é flacidez facial e corporal. Como vimos, cada um possui uma indicação mais específica, que vai desde recuperar a firmeza da pele à volumização de regiões com perda de gordura. Desta forma, após uma avaliação médica, o profissional irá indicar qual é o tipo mais indicado para o seu caso, bem como a quantidade de aplicações e as regiões a serem tratadas.

Além disso, para quem deseja manter a qualidade da pele e conquistar um contorno tanto facial quanto corporal, os protocolos com os bioestimuladores de colágeno podem ser realizados de forma combinada. O Ultraformer 3 é uma das tecnologias mais modernas para potencializar os resultados no estímulo à produção de colágeno, proporcionando uma verdadeira poupança de colágeno no organismo. Com isso, é sempre importante ressaltar também que, entre os benefícios dos bioestimuladores de colágeno, está a ação prolongada e progressiva no combate e à prevenção do surgimento dos sinais do envelhecimento.

Ficou com alguma dúvida? Clique aqui e confira o vídeo da Dra. Gianna Zaffari Frey, da Clínica Laser Pill, falando sobre os tipos de bioestimuladores de colágeno.

Compartilhar:

Deixe um comentário

Topo